3º Seminário Técnico será sobre o Cuidado e a Rua

Com convidados/as de várias regiões do país, nos dias 4 e 5 de agosto, o 3º Seminário Técnico: “A rua – seus limites e possibilidades. O viver em situação de rua e outras experiências urbanas” trará à Porto Alegre e ao Rio Grande do Sul debates da mais significativa atualidade em termos de direitos humanos e cuidado.

A rua transborda a cena. Interessam-nos neste evento as cenas e os cenários. Pensar/conversar nas ruas e suas gentes, sobre políticas públicas e o cuidado na perspectiva das desinstitucionalizações e descriminalizações.

Pessoas vivendo em situação de rua… Quem são, como vivem? Como se pensa o cuidado? O seminário é uma possibilidade de reflexões quanto a práticas e olhares sobre o cuidado de pessoas que vivem em situação de rua. E, com esse movimento implicado, interessa-nos reconhecer e, quem sabe, contribuir para construir e/ou socializar estratégias de contraponto às lógicas higienistas, persistentes e vindouras.

Mantendo-nos na tecitura de redes, seguimos colaborando para encontros que, desejamos, fecundos.

Temário:

  • Politica nacional para pessoas em situação de rua e clínicas do território. Com Iacã Machado Macerata (RJ) – Psicólogo, Mestre e Doutor em Psicologia (UFF). Pesquisa e atua em políticas públicas para pessoas em situação de rua;
  • Gênero e a rua: estética e afetos em cenários de cuidado e vida. Com Stelamaris Glück Tinoco (RS), Trabalhadora em Saúde Mental. Mestra e doutoranda em Educação (UFRGS);
  • Experiências de implantação de serviços, estratégias e impasses na invenção de práticas. Com Binô Mauirá Zwetsch (RS): Cientista Social e mestrando em Antropologia (UFPEL), Rodrigo Brizolla (SC) – Educador social de rua em São José (SC), técnico em Meio Ambiente, e Clóvis Rodrigues (RS) – Graduado em Educação Física. Equipe Técnica em Políticas Públicas da Câmara Municipal de Porto Alegre;
  • Abordagens e direitos de crianças e adolescentes em situação de rua. Com Markinhus – Marco Antônio da Silva Souza (SP) – Cientista e Educador Social, membro do Movimento Nacional de Meninos e Meninas de Rua (MNMMR), conselheiro do CONANDA e do Conselho de Direitos Humanos do Estado de São Paulo, e José Carlos Sturza de Moraes (RS) – Cientista Social, Mestre em Educação (UFRGS), conselheiro pela ONG Amencar do CEDICA/RS e do CONANDA;
  • Jornal Boca de Rua, uma experiência subversiva (com apresentação de vídeo). Com Renato Levin Borges (RS) – Filósofo, Músico, Mestre em Educação (UFRGS) e outros/as convidados/as; e
  • Ocupações como estratégias de lutas urbanas – Experiências de desconstruir-instituir olhares em diversos espaços sociais. Convidados/as ativistas, a confirmar.

Informações gerais: O seminário é aberto a gestores/as e trabalhadores/as do SUAS, conselheiros/as de Assistência Social, conselheiros/as de Direitos da Criança e do Adolescente e Tutelares, e todas as pessoas que se sentirem implicadas com as temáticas. E as vagas limitadas (local, à confirmar, mas será no Centro de POA/RS). Certificação de 16h | Das 8:30 às 17:30, nos dois dias, e o investimento é de R$ 55,00, para inscrições antecipadas. Na data, havendo vaga, será de R$ 70,00. Mais informações e inscrições: i.humanidades@gmail.com.

Foto de Rudnei Barbosa/Divulgação Secretaria Municipal de Direitos Humanos e Cidadania de SP